domingo, 7 de dezembro de 2014

E aí ???


Hoje há um contraste no ar,
entre tudo o que existe.
Como podemos sorrir,
quando tantos choram ?
Comemorar o quê
se em nossas mesas
o irmão carente não se senta ?
O que é festejar
se não única e simplesmente
embebedar-se,
Consumir-se no ópio de uma alegria...
falsa.
Não existe felicidade,
A alegria não mora aqui.
Quem somos nós, vagabundos,
Que não sabem o motivo
da própria existência.
Quem somos nós ?
Existimos mesmo ?








         27/12/1991

Prece dos 15 anos.

















Senhor, amanhece...                  
A voz da natureza é uma prece
que vai ao fundo do meu coração.
A canção do vento balança minha alma,
O vôo dos pássaros inebria meus olhos,
O brilho e a luz do sol me aquecem.





Quinze anos Senhor, Tu já me deste
e durante este tempo, Tua Mão me acariciava
tecendo-me.
Esculpiste com amor o ser que sou.















Vi meu corpo transformar-se pouco a pouco
pela ação da Tua Vontade.
No meu rostinho de criança
Tua Mão desenhou novos lábios,
novo contorno nos olhos,
um desenho sinuoso
nas sombracelhas.
Meus cabelos ganharam um novo brilho,
um novo sorriso surgiu em minha boca.  
Tua Delicadeza  alongou meus braços,
afinou meus dedos,
modelou minha cintura.
Com perfeição formou-me seios,
deu-me graça,
leveza.
Modificou meu ventre,
aperfeiçoou meu quadril.
Sua Bondade, Senhor,
delineou minhas pernas,
suavizou meus pés.





                                                     Tornei-me uma moça-menina,
uma menina-moça.
Como uma rosa
desabrochei em botão.
como botão me fiz flor...
Quinze anos Senhor, são passados
e cada dia que vivi
foi Seu milagre !





Te agradeço pelo dom da vida,
por meus amigos,
meus avós, meus irmãos.
Obrigada pelo sol,
pela lua, pelas estrelas;
por cada dia que nasce,
cada dia que acaba.
Pelos campos, pelas flores,
rios, cascatas,
pássaros, bichos...


Pela alegria !!!
Obrigada porque em quinze anos
Tu me concedeste tudo.
Eu te agradeço intensamente
por meus pais que me amam.



Quero valorizar tudo o que colocas
como dádiva diante de mim.
Hoje, ao completar quinze anos,
sinto-me uma obra de arte,
Pronta... acabada.
Um quadro totalmente pronto.
Retocado...
Assinado por Ti !!!






Agosto de 1999

quarta-feira, 3 de dezembro de 2014

RAZÕES ( readaptado por mim)


          Na recepção de uma grande empresa, o servente de limpeza enxugava o suor da testa, após talvez,a centésima varrida.
          Durante três longos anos, a rotina tinha sido sempre a mesma: varrer e o povo sujar... Varrer e o povo sujar...
          Que gente mal educada!!! Será que ninguém tinha mão para jogar seus palitos, sua “guimbas”, seus guardanapos, seus papéis e seus etc e etc no cesto de lixo que estava logo ali ?  Não era possível !!!   Parecia até “sacanagem” !!!
 Não se lembrava mais, o servente, de quantas vezes já havia varrido aquela recepção e era sempre a mesma coisa: mal acabava de limpar, lá vinha um cristão sujar, e ele tinha  que recomeçar...
novamente.
          Mas agora, não !  Ai de quem ousasse jogar pelo menos uma poeirinha no chão !...
          De repente, sai do elevador um homem muito bem vestido que, a julgar pelas rápidas passadas tinha muita pressa, e a julgar pelo bombom que desajeitadamente tentava desembrulhar, tinha fome... muita fome.
  O papel do bombom, ao cair no chão impecavelmente limpo, provocou uma enorme explosão dentro da cabeça do servente: NÃO !!! Desta vez, NÃO !!!                              
          ___ Senhor !!!  - gritou – Ei, senhor !!!
          ___ Eu ? – perguntou o homem.
          ___ Sim, o senhor mesmo. Por favor, volte aqui.
          ___ Pois não. O que deseja ? Seja rápido. Tenho muita pressa.
             ___ Olha aqui, o senhor acabou de jogar este papel no chão. Pensa que eu sou palhaço ?  Não viu o chão limpo ? Pois fui eu quem limpou e desde as oito horas da manhã não tenho feito outra coisa.  Pegue este papel e jogue naquele cesto ali, que foi colocado naquele lugar com essa finalidade.
          ___ Puxa, o senhor está revoltado ! – disse o homem.
          ___ Claro. Por três anos tenho limpado a sujeira que os outros fazem. Um dia a gente  fica cheio.
          ___ Olha, sou dono de algumas empresas. Simpatizei com você e quero lhe arranjar uma colocação melhor. Pode ser que seus dias na limpeza  se acabem hoje. Diga-me o que sabe fazer para que eu possa encaminhá-lo ao RH.
          ___ ...
          ___ Diga-me amigo, o que sabe fazer ?
          ___...
          ___Não sabe fazer nada ?
          ___ Sei sim, doutor. Só sei varrer... Limpar.
          ___Pois então ingrato, agradeça as pessoas que sujam este hall, pois se elas não fizessem isto, que  utilidade teriam você, sua vassoura e sua limpeza ?

                                      



                                                                                2005


OBS: Não conheço o autor mas achei tão interessante que resolvi reescrever do meu jeito. Espero que agrade.
    
         

Realidade



                       
                       
               


                      Desde que o ser humano passou a existir no Planeta, um “fantasma” o acompanha e assombra.
    Hoje, mais do que  nunca ele ganha e dimensões espetaculares. Já não pode ser detido nem medido. Trata se da violência.
                 Em suas diversas formas , com seus mil nomes,  saltam nossos muros, arrombam nossas portas, sequestram nossos conhecidos, matam nossos semelhantes, abusam de nossas crianças,
 violentam nossas  moças, Estupram nossas mulheres. Faz mais ainda: assaltam nossos trabalhadores, roubam nossos carros,  viciam nosso menores, diminuem nossos salários, deixam-nos sem emprego...
 E tantas e tantas coisas nos faz esta tal violência, que não se fala de outra coisa, que não seja ela.          Muitos têm soluções milagrosas para esta crise,  outro mais realistas, apresentam soluções mais
 lentas que se instalariam gradativamente. Todas parecem sérias e eficazes, mas na verdade, ninguém tem muita certeza do efeito.
                 Dentre os muitos tipos de violência, podemos destacar os seguinte :


- VIOLÊNCIA NO TRÂNSITO: Acontece nas ruas e estradas, envolvendo motoristas, pedestres, motociclistas, ciclistas e etc. Inclue-se atropelamentos, discussões, brigas, intolerância e etc.

-VIOLÊNCIA DOMÉSTICA :  Sucede-se nos lares, envolvendo parentes, crianças, idosos, amigos, vizinhos. Inclue-se brigas, discussões, calúnias, difamações etc.
                                                                                   
 - VIOLÊNCIA NAS RUAS: Envolve pessoas que não se conhecem onde uma é agressora e outra a vítima. Inclue-se aí os assaltos, as brigas de rua, as discussões de rua, seqüestros e etc.

  - VIOLÊNCIA SOCIAL: Tem as instituições públicas como agressoras e os cidadãos comuns como vitimas.Exemplo: desemprego, pobreza, fome, falta de moradia, analfabetismo, falta de recursos
 na área da saúde etc.
                        
   Necessário é, que façamos aqui um parêntese para citar a MISERIA, uma das piores formas de violência,   e talvez a causadora de outras tantas. Fruto da desigualdade social, engloba em si a falta de cultura, ausência de perspectivas, falta de oportunidades, de dinheiro etc.

  - VIOLÊNCIA RELIGIOSA: Acontece entre membros de Igrejas e seitas que não têm a mesma opinião. Exemplo: discriminação, proibições, ameaças, agressões, discussões e etc.
                                           
  - VIOLÊNCIA SEXUAL: Tem o sexo ou a sexualidade como diretriz das ações entre seres humanos do mesmo sexo ou de sexos diferentes.Temos neste rol: estupro, ameaças, assassinatos, abuso,
 desrespeito e mais...

                                                                  
              Existem tantas formas de violência, que gastaríamos páginas e páginas para serem citadas.
              E desanimador perceber que tudo poderia ser diferente se os seres humanos se respeitassem. Se assim fosse, uma nova política sócio-econômica seria instaurada e se acabariam as diferenças   sociais. Só então, e somente então, o “fantasma da violência” seria banido do nosso meio... Mas isso interessa    mesmo só ao povão, pois para muitos ela é  uma escada que leva a realização das mais sórdidas ambições.


                          
x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x





      

PALAVRAS DA PROFESSORA PARA OS ALUNOS NA FORMATURA





     Este é o momento maravilhoso da coroação da vitória.
     Uma etapa importantíssima de nossas vidas finaliza-se hoje neste clima de alegria.
     Qual é o meu sentimento ?  Não sei... Não existem no nosso vocabulário palavras que expressem o que sinto. Alegria... Prazer... Sensação do dever cumprido... Certeza... Esperança... Tudo !!! Tudo numa mistura embriagadora.

     Cada um de vocês faz parte da minha realização porque meu compromisso com a educação é mais que vocação: chama-se AMOR !
     Quero dizer a vocês que um novo caminho se abre neste dia, para cada um. Caminhem com confiança certos de que querer é poder.  Olhem para a frente, sem medos porque cada um de vocês é especial. É único !
     Ao longo deste ano, durante nossa caminhada enfrentamos erros, comemoramos acertos. Rimos... Choramos...
     Quantas vezes ralhei quando queria abraçar, e tantas vezes abracei querendo ralhar.
                                                                                              

     Fui severa. Fui amiga. Fui bacana, careta, mas acima de tudo eu só quis ser educadora para lhes dar a chance de, chegando este momento, poder ver nos seus olhos o brilho de uma emoção diferente.
     Houveram inúmeras dificuldades que graças a Deus, superamos, porque vocês confiaram em mim, e eu, em nenhum momento, deixei de acreditar em vocês.
     Não foi fácil chegar até aqui, mas foi muito bom tentar e conseguir.
     Confesso que também aprendi muito com vocês.
     Procurem queridos, continuar a buscar o êxito em todas as etapas de suas vidas lembrando-se sempre de que os bens que realmente tem valor, são aqueles que acumulamos em nosso cérebro, uma vez que eles estarão sempre a nos sustentar na vida, e nada nem ninguém pode tirá-los de nós.



                                           2007

x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x

Homenagem a professora na despedida.





                                                   

     Você deixou um trabalho maravilhoso e o amor com que conduziu seus alunos, reflete-se hoje neste evento.
     Toda Comunidade Escolar, aproveita este momento para agradecer sua passagem marcante por esta casa.
     Foram muitos anos de um trabalho honesto que deixou marcas no coração de todos.


     Hoje, nossas antecipadas saudades se misturam com a tristeza dos alunos e queremos com eles reafirmar nossa estima, lembrando que as portas da nossa escola estarão sempre abertas para recebê-la.
     Fazemos nossas as palavras de Saint Expéri:
                                       “AQUELES QUE PASSAM POR NÓS, NÃO VÃO SÓS; NÃO NOS DEIXAM SÓS.
                                                    DEIXAM UM POUCO DE SI, LEVAM UM POUCO DE NÓS.”

     O exemplo que nos deixou de trabalhadora incansável, de guerreira corajosa, de amorosa companheira, vai sempre existir na nossa lembrança.
     Leve nosso  abraço e nossa gratidão, querida e inesquecível.                 

                                         

   


                                                                   2007


x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x

        

PALAVRAS AOS AMIGOS NA CONFRATERNIZAÇÃO.

     .




      
                    Queridos amigos:
 Fraterno: de ou próprio de irmão
   Confraternizar: dar demonstração de amizade fraterna
          

                 Neste dia de confraternização, gostaria de dar a cada um de vocês um  presente que fosse mais valioso que o ouro, mais resistente que o  diamante,  mais  perfeito  que a  pérola,  mais  belo  que  um rubi. Algo  que  de tão  pequeno coubesse  dentro dos seus  corações,  mas  ao  mesmo  tempo  tão  grande,  que  transbordasse  coração  à  fora e fosse se entranhando em outros corações, e transbordando  de  outros  corações , e  se  entranhando  em  outros ...   como   calor  do  sol  não respeitasse barreiras e seguisse inundando almas e transformando as criaturas.

                 O que preciso para dar este presente ?  Nada !!! 
                 Eu  ofereço  a  vocês  caros  colegas,  um  amor  fraterno e  cheio de  alegria. Posso e quero ofertá-lo hoje, por que embora amar seja minha maior riqueza, quanto mais a divido, mais ela tem aumentado.
               Abram  seus  corações  e  recebam este  presente,  mas  permitam  que  ele se expanda, que  transponha as muralhas das mágoas e dos desentendimentos para se transformar em abraços.

               Não permitam  que  lembranças  de  coisas  passadas  possam  ofuscar  o  brilho  desta  alegria.  Pensem com toda força que somos filhos do mesmo Pai, irmãos em Nosso Senhor Jesus Cristo, que nos fez a cada um, alguém especial, com defeitos sim, mas com qualidades  maravilhosas.                                        











                                                                      Paz !!!  Muita paz!




                














                                              Dezembro de 2013

x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x
         
                



x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x

6 - PALAVRAS AOS AMIGOS.







Queridos,

      Comprei este presente e pensei: 
Vou dá-lo a pessoa mais   elegante  da nossa equipe.
      Lili !!!
     É, mas acho que quem merece mais é a mais prestativa.
    Eliete !!!
    Não, acho que vou dar para a mais comunicativa.
    Regina !!!
     A amiga de muitos anos.
     Marilza !!!
     O mais forte.
     Alexandre !!!
     A mais centrada.
     Marinete !!!
     A mais sensível.
     Rita !!!
     A mais organizada.
     Marilza !!!
     A mais sorridente.
     Lili !!!
     A artista.
     Regina !!!
     A cuidadosa.
     Marinete !!!
    O companheiro.
    Alexandre !!!
     A nossa médica.
     Eliete !!!
     A mais tranqüila.
      Rita !!!

      Enfim amigos, se procurarmos encontraremos muitas qualidades em cada um de nossos colegas, portanto, o presente é para todos !!! Partilhem, compartilhem e viva a vida !






   




                                                                       Dezembro de 2013
x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x
     

Carta para uma mãe aflita.

      

                 Tenho me preocupado muito com a situação da sua vida, e mesmo não tendo nada com isso eu preciso colocar para você a minha posição. Sempre falei muito na sua cabeça e não poucas vezes, obtive bons resultados. Acho que você nunca se deu mal por me ouvir e por isso mais uma vez acho que tenho palavras que preciso lhe passar.
          Eu poderia marcar para conversarmos pessoalmente, mas sinto que agora um diálogo não seria bom. Você muitas vezes, ao dialogarmos, não conseguiu entender minhas palavras e muitas as vezes
até as desvirtuou, por isso prefiro lhe pedir que leia tudo que vou escrever.Tente entender e não pense que quero julgar seu comportamento e seu modo de viver. Eu respeito cada um dentro daquilo que é, só acho que você pode estar meio perdida e quem sabe eu posso ajudar ?
          Pegando pedacinhos aqui e ali acho que já posso traçar os fatos que levaram você e sua filha e se desentenderem a tal ponto que estão parecendo duas inimigas. Montei os quebra cabeças e realmente fiquei chocada com minhas conclusões. Você não quis me
dizer do que se tratava quando lhe telefonei e ela até me contaria, mas pediu um segredo que eu não poderia guardar dependendo da gravidade da situação, e por isso pedi que ela não me contasse. Você há de entender que eu não posso me tornar cúmplice de alguma coisa errada e eu preciso manter a minha posição, muito embora  tenha bastante intimidade com ela, mas só agora percebo que esta intimidade nem é tanta já que estão acontecendo coisas que ela não me contou antes.
          Nossos filhos são uma riqueza que Deus nos confia aqui na terra. Toda riqueza precisa ser bem administrada para que possa render frutos e trazer benefícios. Um dia vamos devolver esta riqueza a seu verdadeiro Dono e seremos cobradas desta administração. Já antes desta cobrança de Deus, esta riqueza pode nos dar lucros. Pode ser nossa esperança no futuro. Vai depender de como administramos. Podemos ter filhos formados, bem casados, bem situados, bons, amigos, carinhosos, equilibrados, VIVOS !!! ÚTEIS !!! e tantas outras coisas causadoras de alegrias. Uma má administração nos dará filhos vagabundos, inúteis, ruins, INIMIGOS, tarados, desequilibrados, drogados, criminosos e mais uma gama de personalidades nefastas que poderão nos levar a grandes prejuízos como: pagamento de fianças quando são presos, perda de
bens materiais quando eles entram pelo caminho as drogas, despesas com eles mesmos quando não tem como sobreviver e mais muito mais, além da dor de vê-los sofrendo. Podemos não ter muitas alegrias as vezes mas o simples fato de não termos tristeza já faz todo sacrifício valer a pena. Quando devolvemos a Deus a nossa riqueza se não com muito lucro, pelo menos da forma que Ele nos confiou, já é bom.
          Seus problemas com ela começaram cedo demais. Com apenas 15 anos uma menina não pode e nem deve fazer o que quer. Isto não existe. Não sei se você lembra, mas uma ocasião destas eu lhe falei disto.
          Nada está perdido ainda, tudo o que você precisa fazer e mudar suas atitudes para recuperar sua filha que você está perdendo. Acredito que você não queira perdê-la, não é ? Não é possível que você queira largar de mão a criança que você lutou tanto para criar ( nem
deixava a gente dar banho, lembra ?) e se entregar e entregá-la a própria sorte. A sua filha ainda é dócil e dominável e você tem ainda muito tempo para orientá-la só precisa se colocar no seu lugar de mãe e não agir como coleguinha dela.
          Tudo o que esta acontecendo começou quando você quis ser uma mãe amiga e confundiu este termo. “Amigo não é aquele que nos diz o que queremos ouvir, mas o que precisamos ouvir.” A mãe amiga está pronta para ajudar, orienta sem maltatar, apóia nos momentos necessários. Penso que você achou que se parecendo com a sua filha você estaria mais próxima dela, mas tal coisa não se deu porque longe de confiar em você, o que ela vê é uma rival. Alguém que tem a mesma força que ela..
          Seu primeiro erro foi não entender e observar o mundo dela, mas arrastá-la para o seu mundo onde os adultos já trazem sua carga de falsidade e de maldade Ela não viveu uma infância normal mas uma vida onde ela não podia ser criança. Também não viveu o temor de Deus. Ela não crê e nem tem medo do sobrenatural e esta vivência na infância, nos traz a
moral , o pudor, o respeito e o entendimento do outro. Nenhum ser humano pode ser criado distante de Deus, sem religião porque a religião é um freio nos nossos instintos.



                                                       +- 2010

Carta de mãe para filha





     Por causa de você abri mão do meu sonho.

     Quando você virou minha realidade, eu desisti de sonhar e acordei pro seu sorriso.
     Ah, meu vestido de noiva se transformou na alegria contagiante que sua presença trouxe, e eu nada mais podia desejar de felicidade.

     Noites e dias, dias e noites fiquei assistindo a natureza completar em você a sublime metamorfose da existência. Você crescendo... observando...aprendendo.
     Hoje, tão criança ainda, você questiona:
     ___ Mamãe, você é casada com meu pai ?
     ___Mãe, cadê o DVD do seu casamento ?
     ___ Cadê sua foto vestida de noiva?                                  

     Por causa de você, abri mão do meu sonho.
     Eu queria ter o CD, as fotos, a certidão...mas não foi possível porque você chegou sem avisar e tomou por inteiro nossas expectativas.

     Pensa que é fácil conviver com a realidade de ser solteira, tendo você, tendo seu pai ?

      Acha que eu não queria ter tido um bolo enorme de casamento, uma cerimônia bonita na igreja, uma recepção suntuosa cheia de amigos, alegria, cumprimentos ?
     Claro que ei queria. É ainda o meu sonho dourado que povoa o meu sono e ilumina os meus dias, e a vontade de realizar este sonho me impulsiona a lutar por isso.



     Adiei meu sonho, reprimi meu desejo, e hoje, ao vê-la tão linda, tão graciosa, a vontade de tê-la como minha dama de honra no meu casamento, me torna quase fanática por viver este momento divino.

                                         
     É por isso, por você minha querida filha, que mereço um dia transformar em realidade o casamento dos meus sonhos.
     Amo você e seu pai.
                                                        Beijos.







                                             2006

x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x




Quem é você ?



Criança quem é você
que a gente olha e não vê ?





Eu sou aquele menino                  
bagunceiro e revoltado
que atrapalhava as aulas,
que vivia escorraçado.
Não tinha atenção de ninguém,
a ninguém dava cuidado.
Quis ter um futuro brilhante,
mas me tornei VICIADO.


Criança quem é você
que a gente olha e não vê ?



Fui uma bela mocinha
debochada e meio insana.
Causava asco e terror,
Tinha inimigos, má fama.
Amor ? Nenhum conheci
que me afastasse esse drama.
Vejam no que me tornei:
uma MULHER DE PROGRAMA.



Criança quem é você
que a gente olha e não vê ?





O estudo não me  atraía,         
era difícil entender.
As barreiras das matérias
eu não conseguia vencer.
Só me chamavam de “burro”
e mesmo não querendo crer
o que me restou nessa vida?
Só a tristeza de BEBER.



Criança quem é você
que a gente olha e não vê ?




Vivi uma infância infeliz,
eu nem sabia sorrir.
Pai não tive. Nunca vi.
ele não quis me assumir.
Discriminada na escola
não consegui resistir.
Sem lar, sem família ou futuro
vivo na rua a PEDIR.



Criança quem é você
que a gente olha e não vê ?



Fui pequeno e inocente,
sem conhecimento do mal,
mas o viver na miséria
sofrendo desprezo total
fez-me buscar na escola
o abrigo, o amor, a moral. 
Ao perder esta esperança,
me tornei um MARGINAL.




Criança quem é você
que a gente olha e não vê ?




Quando pequena eu queria,
ser uma celebridade.
Fingia estar estudando
mas por ter dificuldade
fui sendo deixada de lado,
tratada com crueldade,
Hoje vivo feito bicho
passando necessidade.



Criança quem é você
que a gente olha e não vê ?






Eu sou o futuro presente,   
sou vergonha e despudor.
Sou tudo do nada que resta
ao ser que não tem valor
Fruto da indiferença humana,
produto do desamor.
Sou retrato do fracasso...
Olha pr’á mim, professor !





Criança quem é você
que a gente olha e não vê ?




__Preciso da oportunidade,
De ser alguém. De crescer.
Eu tenho a necessidade,
e você tem o saber.
Me dê sua água que eu bebo,
me ajude a sobreviver.
Você pode. Eu desejo...
Só resta você querer...




__Então eu quero criança... Sê !!!  



                 29/09/2004 

Seja bem vindo.

                                                      Na trilha do sol, nas asas do vento,                      envolto em luz, o olh...