segunda-feira, 10 de março de 2014

Meu depoimento





Tenho que ser forte,
Para suportar a sorte
Que Deus me der.
Eu sou tronco, sou madeira,
Sou arbusto, sou videira,
Mas me chamam de MULHER.





Preciso olhar cada dia,
Cheia de nova energia.
Não. Eu não posso cair.
Olho o céu com confiança,
Me armo de nova esperança.
Meu mundo não vai ruir.






Minha força vem de cima,
Do Deus que tudo me ensina,
Em quem confio e proclamo.
Vem dos filhos que criei,
Das noras que conquistei,
Dos netos que tanto amo















Medo não tenho da vida,          
Não me importa ser querida,
Não quero é deixar de amar.
Eu sou voz que não se cala ;
Se furacão não me abala,
Brisa  não vai me abalar.







Reclamações eu não faço,
Meu coração é de aço,
É o que todo mundo diz.
Esqueço tudo que é mal,
e no balanço final,
Eu até que sou  feliz.






Quero deixar uma lição
Que penetre o coração,
Mas não como coisa qualquer.
Eu sou tronco, sou madeira,
Sou arbusto, sou videira,
Mas me chamam de mulher.





                                              09/05/2003

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Maria do Beco

                                                                                                 MARIA DO BECO       Conheci ...