sexta-feira, 28 de novembro de 2014

Ressurreição


O sol nasceu !!! O sol nasceu, eu vi !                          
Depois da morosidade das trevas e do frio         
ele surgiu radiante num céu muito azul,
profundo e de incomparável beleza.
O sol surgiu e obrigou minhas pálpebras
a se cerrarem protegendo a íris,
tão frágil, tão castanha, tão vivaz.
O calor que me invadiu foi tão terno
que até o vento fustigando meus cabelos
cessou, acatador e humilde.



Eu quis agradecer a Deus por estar viva
e comprovar a todo instante o Seu Amor
mas me perdi na amplidão da manhã
acompanhando o sol e sorrindo.
Como é lindo ser humana
e poder sentir a grandeza do que me rodeia.
Como é bom sentir saudades
do Amaro, da Dorinha, do Alceste,
da Guida, do Byron, do Bruno.


Como é bom existir e poder ouvir
o Alceste me animando,
a Vanda me sussurrando,
Dona Rosa me aconselhando,
a Ruth rindo...
Como é bom ser Solemar e ter esperanças,
Querer construir um império, querer crescer...
Como é bom ser eu nesta manhã tão cândida !
Estou ressuscitando, gente ! Ressuscitando outra vez,
E como isso é grande !!!
O sol nasceu e me trouxe outra alma,
Felicidade... alívio...


Quero descrever o que sinto. Faltam-me palavras.
Sou como uma recém casada, um recém nascido,
Um recém promovido:
Tudo ao longo do caminho é nevoento
indefinível,
mas quero caminhar
e meus receios desapareceram.


Hoje...
Só hoje estou sentindo a importância de ser gente   
e uma vontade louca de confiar,
e um desejo intenso de me doar.
Agora comprovei que o universo é habitado
e todos os seres vivem
exatamente como eu;
Mas só hoje... exatamente hoje
pude sentir e ver
o sol nascer !!!




  
                 28/04/1971








Nenhum comentário:

Postar um comentário

Maria do Beco

                                                                                                 MARIA DO BECO       Conheci ...